Redação

    Redação

    Terça, 31 Outubro 2017 16:31

    Recado importante

    Você já ouviu dizer que a pólio acabou no Brasil? A notícia é verdadeira, mas corre o risco de ser desmentida mais adiante. Basta alguém infectado com o vírus da doença entrar em contato com crianças não vacinadas.

    Neste 2017, a pólio ainda resiste em três países (Nigéria, Paquistão e Afeganistão). No mundo globalizado de hoje, o risco é real. A única alternativa de impedir a volta da pólio no Brasil é vacinar as crianças no dia nacional de imunização. Só assim espantaremos o fantasma da moléstia em nossas casas.

    O Rotary International trabalha duro, desde 1985, na luta contra a poliomielite no mundo todo. Os rotarianos aceitaram o desafio da Organização Mundial de Saúde, arregaçaram as mangas e, desde então, doam tempo e dinheiro (mais de 1,1 bilhão de dólares até agora) para derrotar a moléstia.

    Faça a sua parte. Leve seu filho aos postos de vacinação. Isto é ser cidadão responsável.

     

    Comment

    Quinta, 19 Outubro 2017 21:00

    Charge 130

    “Um homem que virou mulher agrediu uma mulher que virou homem”. Segundo o site juntospelobrasil.com, “as duas pessoas saíram no tapa no meio da rua após discussão por conta de dívidas". O homem que virou mulher saiu em desvantagem e resolveu prestar queixa contra a mulher que virou homem.

    Ainda segundo o juntospelobrasil.com, o fato teria ocorrido no interior de Mato Grosso. Alana Kellen, nome social de Waldir Soares, que agora é mulher, foi agredida por Flávio Fonseca, nome social de Walquíria Dias, que agora é homem. Saindo em desvantagem na troca de contravapores, Alana, agora na condição de “sexo mais frágil”, decidiu ir à Delegacia da Mulher prestar queixa contra sua agressor, Walquíria, hoje masculinizada.

    O site não informa a data da ocorrência nem o nome da cidade onde o fato teria se dado. A notícia movimentou o meio jurídico: perante a Justiça, quem deve ser punido?

    A equipe do Roraima Agora se exime de qualquer responsabilidade sobre a verdade ou não da notícia. A reportagem tem causado discussões em redes sociais e movimentado conversas de advogados.

    Mais uma pergunta: se Alana - que nasceu homem, mas agora se diz mulher - tivesse morrido, Flávio - que nasceu mulher, mas agora se diz homem - teria cometido feminicídio?

    Em tempo: a foto que ilustra a reportagem não tem nada a ver com a matéria, foi copiada do YouTube simplesmente para dar vida ao post.

     

     

     

    Comment

    Alemanha é o 15º país europeu a adotar o casamento gay

    Comment

    Quarta, 04 Outubro 2017 01:36

    Vibrador engatado no toba

    Inglesa teve que ser operada para tirar brinquedo que entalou no ânus

    Comment

    Terça, 03 Outubro 2017 18:38

    Charge 128

    Hugh Heffner, que criou a revista masculina de maior sucesso de todos os tempos, morre aos 91 anos

    Comment

    Terça, 26 Setembro 2017 19:20

    100kg de coca no rio Branco

    Em monomotor acidentado no sul do Estado, mergulhadores localizaram o corpo do piloto e cocaína

    No dia 18, segunda-feira, policiais militares, com ajuda de mergulhadores do Corpo de Bombeiros Militar de Roraima, localizaram destroços do monomotor, prefixo PT-JPW, registrado em nome da empresa paraense Brabo Táxi Aéreo. Na aeronave, ainda preso ao cinto de segurança, estava o corpo do piloto, e, detrás dos assentos, foram localizados e apreendidos pacotes com 100kg de cocaína. O acidente teria ocorrido no sábado, 16.

    No domingo, 17, denúncia anônima feita ao número 190 da Polícia Militar de Roraima dava conta que um avião carregado com cocaína teria caído na região da Aliança, no baixo rio Branco, município de Caracaraí. O denunciante teria acrescentado que um homem sobreviveu à queda do monomotor e que, depois de resgatado por pescador, teria se dirigido à sede do município. Interrogatórios e buscas se iniciaram ainda no dia domingo.

    Na segunda-feira, 18, bombeiros mergulhadores localizaram destroços da aeronave a quatro metros de fundura no baixo rio Branco, onde a visibilidade subaquática é de menos de 30cm.

    Ao retirar a porta do monomotor, mergulhadores deram com o corpo do piloto, já em estado de putrefação, ainda preso ao cinto de segurança. Logo atrás dos assentos, foram localizados pacotes contendo 100kg de cocaína.

    Aparelho GPS e outros itens que podem ajudar na investigação também foram coletados do Cessna 206. Corpo e materiais apreendido foram entregues a autoridades da Polícia Civil.

    Corpo do piloto, depois que foi solto do cinto de segurança (Foto: Reprodução Facebook)

    Piloto e ficha criminal

    O piloto que morreu no acidente foi identificado com José Donizete do Amaral, 48 anos. Profissional experiente, ele já teria sido preso por envolvimento com exploração ilegal de garimpo. 

    Segundo registros da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), o Cessna 206 está registrado em nome da Bravo Taxi Aéreo. Funcionários da empresa teriam dito que a aeronave foi vendida há cerda de um mês e que a transferência de documentos estaria transitando em repartições pertinentes.

    (Foto: Reprodução Facebook)

    Comment

    Terça, 26 Setembro 2017 18:56

    Mafir é interditado de novo

    Péssimas condições de funcionamento, levam ao fechamento temporário do matadouro frigorífico

    Comment

    Quinta, 21 Setembro 2017 13:42

    Charge 127

    Página 10 de 45
    Jornal
    © 2015 Your Company. All Rights Reserved. Designed By JoomShaper

    Please publish modules in offcanvas position.