Terça, 13 Fevereiro 2018 23:03

    Garoto de 11 anos corta grama na Casa Branca

    Escrito por
    Avalie este item
    (0 votos)
    Garoto de 11 anos corta grama na Casa Branca Reprodução Youtube

    Se fosse no Brasil, Trump seria processado e preso

    Frank Giaccio, garoto de 11 anos, de Falls Church, no estado de Virginia, Estados Unidos da América, enviou carta para o presidente estadunidense Donald Trump dizendo que tinha sua própria empresa de cortar grama e que seria uma honra aparar o gramado da Casa Branca. Administradores da residência oficial do manda-chuva aceitaram a oferta e Frank foi convidado para fazer seu serviço no gramado do Jardim das Rosas.

    Em entrevista concedida ao canal Fox Business, antes de chegar à Casa Branca, Frank afirmou que estava preparado para “o melhor dia de sua vida”.

    O menino, sozinho, com sua máquina, trabalhou sob olhares atentos de jardineiros oficiais da presidência.

    Enquanto Frank executava seu trabalho, Donald Trump apareceu para cumprimentar o jovem empreendedor e, depois de esperar algum tempo, até que Frank fosse alertado por funcionário da Casa Branca, fez  um “bate-aqui”, apertou sua mão e elogiou o pirralho pelo “ótimo trabalho” do menino.

    Se fosse no Brasil?

    Se fosse no Brasil, com essas leis estúpidas contra o trabalho infantil, o presidente norte americano estaria massacrado por ativistas de direitos humanos e sendo processado por exploração infantil. Essa é uma das muitas diferenças entre o primeiro mundo e as repúblicas de bananas.

     

    Lido 584 vezes
    Redação

    Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
    Jornal
    © 2015 Your Company. All Rights Reserved. Designed By JoomShaper

    Please publish modules in offcanvas position.