×

    Aviso

    JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 853

    Sábado, 12 Mai 2018 14:38

    Como Nasceu o Dia das Mães

    Escrito por
    Avalie este item
    (0 votos)
    Como Nasceu o Dia das Mães Foto e manipulação: Aroldo Pinheiro

    Comemorado no mês de maio em quase todo o Ocidente, depois do Natal, o Dia das Mães é a data festiva que mais movimenta o comércio no Brasil e nos Estados Unidos.

    Na Grécia antiga, a chegada da primavera era dedicada à honra de Rhea, mãe dos Deuses.

    Em 1858, nos Estados Unidos, a ativista Ann Maria Reeves Jarvis fundou clube que buscava diminuir o sofrimento de mães mais humildes por meio da redução da mortalidade de crianças em famílias de trabalhadores. Sete anos depois, em 1865, ela criou os Dias de Amizade para as Mães, que objetivavam melhorar as condições de feridos na Guerra de Secessão.

    Popularização

    Dois anos depois da morte de Ann Maria, sua filha Anna criou um memorial para sua mãe e iniciou campanha para que o Dia das Mães fosse um feriado reconhecido. Em 1914, o presidente americano Woodrow Wilson, ao celebrar a data pela primeira vez, em 9 de maio, determinou que os edifícios públicos deveriam ser decorados com bandeiras.

    Em pouco tempo, sentindo que a comemoração havia saído de singelas homenagens para exageros comerciais, Anna Jarvis afastou-se do movimento e lutou pela abolição do feriado.
    A ideia de um dia para as mães chegou ao Brasil por meio da Associação Cristã de Moços do Rio Grande do Sul (ACM-RS). Hábito trazido dos Estados Unidos da América por Frank Long, secretário-geral da ACM, a primeira celebração deu-se em 12 de maio de 1918, em Porto Alegre. Aos poucos, a comemoração espalhou-se pelo País e, em 1932, o então presidente Getúlio Vargas, a pedido de ativistas da Federação Brasileira pelo Progresso Feminino, oficializou o segundo domingo de maio como o Dia das Mães.

    Na época, movimentos feministas, embalados com as perspectivas que se abriram a partir da conquista do direito de votar, começavam a pipocar em Terras Brasilis, visando a valorização das mulheres na sociedade.
    Em 1947, o cardeal-arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Jaime de Barros Câmara ,determinou que a data também fizesse parte do calendário oficial da Igreja Católica.

    Diferentemente do Brasil e dos Estados Unidos, em Portugal, o Dia da Mãe é comemorado no primeiro domingo de Maio.

    Enfim: parabéns às mães.

     

    Lido 567 vezes
    Aroldo Pinheiro

    Aroldo Pinheiro,  roraimense, comerciante, jornalista formado pela Universidade Federal de Roraima. Três livros publicados: "30 CONTOS DIVERSOS - Causos de nossa gente" (2003), "A MOSCA - Romance de vida e de morte" (2004) e "20 CONTOS INVERSOS E DOIS DEDOS DE PROSA - Causos de nossa gente".

    Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

    Itens relacionados (por tag)

    © 2015 Your Company. All Rights Reserved. Designed By JoomShaper

    Please publish modules in offcanvas position.