Chifre causa traumatismo craniano e morte

05 Agosto 2018
(0 votos)
K2_ITEM_AUTHOR 
Reprodução Youtube

Ao fugir de flagra, idosa morre

Utilizando-se de corda feita com lençóis para fugir do quarto onde mantinha encontro amoroso, Vera Lúcia Moreira de Souza, 61 anos, teve que ser internada com traumatismo craniano depois que a “teresa” rebentou e ela caiu batendo a cabeça no chão. O fato se deu em Sorocaba (SP), no dia 29 de julho.

Matéria publicada pelo UOL (https://noticias.uol.com.br/) relata que, naquele domingo, para fugir de flagra com a chegada da namorada de seu amante, a costureira, tendo ajuda do próprio Antônio Filho, 68, improvisou a corda que seria utilizada para chegar a terreno vizinho e não dar de cara com a mulher enganada.

A 1,5m do chão, a “teresa” rompeu-se, a costureira caiu, machucou a cabeça e, ante a gravidade do caso, foi levada para o Hospital Regional de Sorocaba. Vera não resistiu e morreu.

A policiais militares, o pica-de-açúcar disse ter chamado seu irmão, que é também seu vizinho, para prestar os primeiros socorros à idosa tão logo ocorrido o acidente.

O caso foi registrado como lesão corporal gravíssima e violência doméstica seguida de morte no plantão da Delegacia Norte de Sorocaba e encaminhado para a Delegacia da Mulher que deverá ouvir o Dom Juan nos próximos dias.

Não há informações sobre a namorada traída.

 

237 K2_VIEWS
Redação

E-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Top