Sexo casual na medida certa

Oi, pessoal!

Hoje quero falar de sexo sem compromisso. Tipo esse que eu faço, só que o meu é remunerado, tá, queridinhos?! A Teresa Oliveira, 43 anos, relações públicas, quer saber:

Tia Lyka,

Depois que levei chifre do marido, resolvi liberar geral. Tenho vários parceiros, sexo pelo menos cinco vezes por semana, gozo garantido. Minha dúvida é: será que usar muito a ppk causa desgaste?

Querida, TT

Ppk é que nem carro novo: tem que usar pra amaciar. A máxima de "lavou tá nova, cabe perfeitamente às 'broinhas'". Claro que você precisa dar manutenção. Lavar com sabonete íntimo, fazer depilação, exercício todas as manhãs, exame preventivo, asseio... Tem que tratá-la como se fosse um bebê. Também há que ter cuidado com as pirocas que visitam essa caverna. Proteção é fundamental.

Outra questão é o tamanho. Apesar de mentirosos dizerem que têm 23cm de rola, a média

verdadeira é de 13cm. Convenhamos, 13cm não é grande coisa, mas como a cidade é de

imigrantes, tem uns pirocudos vindos de outras regiões e uns venecas que, dizem, são superdotados. Eu, por experiência, prefiro um pequeno brincalhão a um grande bobalhão.

Sugiro que você faça um lista de seus "ficantes" e enumere pelo tamanho, tipo: vou dar prum

roraimense hoje, ppk arrochadinha: asseio com pedra-ume, pompoarismo e, se for o caso,

ponha um enchimento pra ficar bem apertadinha; prum nordestino, pode relaxar, deixa a bicha de folga; se for um negão, melhor ainda.

Fique atenta. Tem roraimenses picudos e nordestinos anões. Não existe regra pra tamanho de

cacete.

No mais, é só gozar à vontade e usar a ppk quantas vezes quiser. Também pode variar e usar

a retaguarda, mas lá não tem medidor pra tamanho e grossura: a coragem e as pregas que

mandam.

Fui 

Liberando o roscofe
Oficial da reserva
Top